6 Bons motivos para você amar as fotos de Sebastião Salgado.

Todos sabem que Sebastião Salgado é um fotógrafo extremamente renomado brasileiro, que já ganhou praticamente todos os principais prêmios de fotografia do mundo como reconhecimento pelo seu belo trabalho.

Suas inspirações começaram em suas viagens a trabalho para a África, muitas vezes encomendado pelo Banco Mundial, onde começou suas primeiras sessões de fotos com a Leica de sua esposa Lélia Wanick Salgado.

A Fotografia o inspirou tanto que logo depois disso, ele se tornou independente como fotojornalista e, em seguida lançou seu primeiro livro, o “Outras Américas” que retratava sobre os pobres na América Latina e foi publicado em 1986.

Fotos de Sebastião Salgado

Suas obras são extremamente aclamadas, mas a que mais teve alcance internacionalmente foi a “Êxodos e Retratos de Crianças do Êxodo”, publicados em 2000.

Na introdução, citou relados da viagem e sua perspectiva sobre os povos: “Mais do que nunca, sinto que a raça humana é somente uma. Há diferenças de cores, línguas, culturas e oportunidades, mas os sentimentos e reações das pessoas são semelhantes...”

Fotos de Sebastião Salgado

Seus trabalhos são conhecidos por serem em preto e branco e por sua determinação em mostrar o significado mais abrangente do que está acontecendo com essas pessoas que testemunham de toda a humanidade e ao mesmo tempo lutam contra a violação da sua dignidade por meio de guerra, pobreza e outras infelicidades.

Confira outras obras marcantes para amar mais ainda este fotógrafo brasileiro:

Fotos de Sebastião Salgado

Fotos de Sebastião Salgado

Fotos de Sebastião Salgado

Fotos de Sebastião Salgado

Texto escrito exclusivamente para o Arte final por: Giovanna Canella que tem 21 anos, estudante de Publicidade e Propaganda e trabalha na empresa Lopes na área de Marketing Digital, ela também escreve para blogs parceiros e redes sociais. Caso haja interesse em mais assuntos, contate-a pelo blog: http://www.lopes.com.br/blog/

Edmar Pita

Artista visual formado pela UFBA em 2009. Uma cara cristão que, embora, entenda um pouco de comunicação visual e arte gráfica, reconhece a importância do design, da fotografia e da ilustração na formação de uma excelente identidade visual.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários neste artigo são de exclusiva responsabilidade dos seus autores. O Arte final não aceitará ofensas, racismos e xingamentos.