Como fazer quadros abstratos com textura.

A arte abstrata é um estilo artístico moderno que surgiu no início do século XX, tendo sido oriunda das vanguardas europeias.

As pinturas abstratas caracterizam-se por não ter formas definidas, estando abertas as interpretações.

Os quadros abstratos coloridos são objetos admirados em galerias e que compõem muito bem a decoração dos ambientes, acrescentando um toque moderno.

Se você é admirador da arte abstrata e deseja fazer os seus próprios quadros, esteja ciente de que investir em telas abstratas com textura não é só fazer desenhos aleatórios, pois existem técnicas a serem aplicadas, além de ser necessário usar os materiais adequados para obter uma pintura de qualidade.

Pintura de quadros abstratos
Como fazer quadros abstratos

Para fazer quadros abstratos com textura, primeiramente é preciso adquirir a tela a ser pintada. Para iniciantes, o ideal é optar por uma tela de tamanho médio de 1,00 X 1,00 cm. Se a intenção é dar um acabamento mais sofisticado ao quadro, você pode aplicar uma camada de gesso acrílico e aguarde secar para iniciar o desenho.

Quadros abstratos para sala de estar
Quadros abstratos para sala de estar

O quadro abstrato pode ser feito com tinta acrílica ou óleo. Quem está iniciando pode optar pela tinta acrílica que é inodora, mais fácil de aplicar, seca rápido e permite correções. Para pintar é necessário dispor de um pincel de certas longas e uma espátula, que serve para criar a textura da obra.

Como pintar quadros abstratos - passo a passo.


Para iniciar a pintura do quadro abstrato, pegue o pincel e faça o fundo da tela com uma tinta da sua preferência. Uma dica interessante é usar o contraste, fazendo um fundo escuro e uma sobreposição mais clara. Se quiser deixar o quadro com uma aparência mais rústica, faça um fundo grosso com duas camadas.

Quadros abstratos com textura
Imagem reproduzida

Misture cola, massa acrílica e pó de madeira para fazer a textura dos quadros abstratos. A cola é um item importante para esta etapa, pois dá elasticidade ao material e impede rachaduras depois que a tela seca. Use a espátula para fazer os desenhos abstratos que desejar como, por exemplo, uma combinação de círculos, riscos, etc.

Enfim, solte a sua criatividade. Por fim, é só aguardar a tela secar.

Edmar Pita

Artista visual formado pela UFBA em 2009. Uma cara cristão que, embora, entenda um pouco de comunicação visual e arte gráfica, reconhece a importância do design, da fotografia e da ilustração na formação de uma excelente identidade visual.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários neste artigo são de exclusiva responsabilidade dos seus autores. O Arte final não aceitará ofensas, racismos e xingamentos.